Ironman 2013 - semana 5 de 20


Em número de semanas hoje foi fechado o primeiro quarto do ciclo. 25% das semanas já foram para o espaço e a "brincadeira" começa a ficar cada vez mais pesada, porém o gosto por tudo isso é cada vez maior, o que ajuda a focar nos treinos.

Durante a semana teve de tudo um pouco, um teste T30 de natação na quarta-feira onde, creio eu, em função da maior carga nas outras modalidades consegui uma metragem inferior às que tinha conseguido nos últimos dois testes (antepenúltimo 1750m, penúltimo 1725m), 1700m. De qualquer maneira achei o teste positivo porque nadei bem e acabou sobrando um pouco de gás no final. Sei que no próximo posso e vou (tentar) forçar um pouco mais para ver. 

A segunda-feira não teve a tradicional corrida regenerativa, foi somente a natação. O treino de tiros na bike de spinning terça-feira foi um pouco sofrido, pois as pernas ainda sentiam um cansaço dos 110Km do pedal de domingo. Já relatei também outros dois treinos da semana, aqui e aqui. O final de semana fechou com chave de ouro com mais dois treinos bons. O de sábado feito na Renault, já tradicional nessa época, de 3 baterias de 14Km bike por 2Km de corrida tudo de forma progressiva. Senti bem menos o cansaço em relação ao da semana passada, um pouco em função do clima mas um pouco também porque acho que o corpo já está "entendendo" melhor que as baterias precisam ser feitas desse jeito, forçando o que dá. Ponto! Os tempos e velocidades ficaram da seguinte maneira (gostei bastante da corrida): 

Bike 1 - 30,6Km/h
Corrida 1 - 4'55"/Km

Bike 2 - 32,24Km/h
Corrida 2 - 4'42/Km

Bike 3 - 34,6Km/h
Corrida 3 - 4'20"/Km


Já no domingo, certamente o treino de bike mais difícil que já fiz até hoje. Um local "famoso" aqui na região metropolitana de Curitiba é o chamado "Concretão". É uma estrada de aproximadamente 20Km (40Km ida+"frida") que liga a fábrica à mina da Itambé (cimento). A paisagem é interessante, parece que estamos pedalando numa cidade do interior. É uma pena que não dá para aproveitar quase nada porque as subidas da estrada conseguem trazer todo o foco para elas. Os 30+Km que ligam Curitiba até a entrada do Concretão também são com subidas e descidas, o que torna o percurso de mais de 100Km (ida+"frida"+Concretão) bastante difícil para um ciclista do meu nível. Só tinha ido pedalar uma vez até hoje no Concretão, foi logo que comprei minha bike de estrada e fui de carro até lá, fazendo somente os 40Km. Como se não bastasse a dificuldade do trajeto (bastante inclinação acumulada) hoje também estava com condições climáticas nem um pouco perto da ideal para o pedal. Saímos com pista molhada mas sem chuva, depois teve garoa e por fim uma chuva forte já na volta que fez bater os dentes de frio. Tudo fica mais perigoso, mais tenso e mais cansativo. De qualquer maneira foi um treino interessante e que vai ficar por um tempo na minha memória. Ainda assim, da mesma forma como no sábado, terminei com o cansaço normal do treino mas logo já me senti bem e (relativamente) recuperado. Acho que o corpo está se acostumando com "pancada" de tudo que é lado. Uma hora vai "arriar" mas por enquanto está aguentando. Segue abaixo informações do treino.


Essa semana teve uma quilometragem um pouco abaixo do previsto na planilha. Não foi por ter deixado de fazer algum treino, foi apenas questão de arredondamento e pequenas diferenças de trajetos. Havia a intenção de fazer os treinos em Floripa, porém em função de ter que trabalhar no feriado de Carnaval, tudo teve que ser feito aqui por Curitiba.

Mais uma semana fechada em 100%. Semana que vem, a sexta, é possível que tenha uma carga um pouco menor (em termos de hora) porque, em função dos feriados, só será possível nadar uma vez na semana. Só aí já são duas horas a menos.

Que venha então a sexta semana.

Comentários

  1. Milton,

    Estou vendo que seus treinos estão ficando cada vez mais "pancada" (como você mesmo chamou). Gosto da sensação de acompanhar a sua evolução. Me anima e fique sabendo que estou na torcida. Ser IronMan é punk, meu amigo. Foco, força e fé.
    Que venha a Semana 6.

    Abração

    Helena
    correndodebemcomavida.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado Helena, pelas palavras, pela torcida e por acompanhar aqui. Também acompanho sempre a tua evolução pelo teu (ótimo) blog.
      Valeu amig!
      Abração... vamos correr! :-)

      Excluir
  2. Blz Milton!

    Queria saber qual é teu objetivo no pedal do Iron? tens uma meta na cabeça? To achando teus treinos muito bons. Abração.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara... eu penso em tentar manter próximo de 30Km/h, algo para umas 6hs. Acho que vai depender muito de vento, calor, como vou estar me sentindo, etc. A ideia seria essa mas nem falei ainda com meu treinador do que ele acha. Semana passada fiz os 110Km lá em Jurerê em 30,8Km/h de média. No Iron vou ter nadado e vou ter que poupar um pouco as pernas para a maratona. Em compensação ainda tem bastante treino até lá. Por enquanto a ideia seria essa mas pode ser que mude (para mais ou para menos, bem mais provável hehe) até maio. :-)
      Abração, valeu Kiko!

      Excluir
    2. Faremos alguns treinos na Alexandra-Matinhos.... esses treinos vão aumentar a sua confiança e vc vai ver que vai ficar muito fácil de pedalar lá... depois desses treinos que temos feito no concretão... como vc ja nada bem... seu pedal pouco será influenciado... fará uma boa média... e pelo que vi vc pedalando pode acreditar que fara um pedal para uns 31kph ou 32kph... mais a principio o objetivo principal é 30kph... só que quando pedalarmos na Alexandra-Matinhos aposto que em 150km vc vai colocar fácil 34kph de média.... espere para ver... só não pode errar na hidratação e alimentação...se vc achou sofrido o concretão se prepara que esse domingo que vem vamos evoluir mais um pouco... observe que faremos muito pedais em locais com subidas... e como falei para o Mauricio quem pedala no concretão ou na colonia Witmarsum tira de letra os 180km do Ironman... não sei se faremos um treino que fizemos ano passado que é um combinado de Concretão + Witmarsum um pedal com 162km e com mais de 2300m de subida acumulada... se fizer esse os 180km do Iron ficam pequenos mesmo espere e verás... apesar de fazermos médias baixas nestes treinos com subida.. pense que no concretão fazer 27kph ou 26kph de média em 110km é um treino puxadissimo ja que temos 1500m de subida acumulada....é isso aí vamos em frente...

      Excluir
    3. Legal Marlus. Sempre bom pegar o feedback de vocês que manjam do negócio. Bem isso, minha meta inicial é 30Km/h, se passar melhor, se ficar abaixo, não vou morrer por causa disso. Eu comecei agora a simular um pouco mais as coisas que quero comer no Iron, aos poucos vou testando alguns alimentos. Nesse treino de domingo não deu para comer somente andando porque a pista muito molhada estava meio complicada. Comi um pouco andando mas também um tanto quando paramos as duas vezes.
      O legal é isso mesmo, esses treinos com subidas fazem 4hs parecerem 6hs, o que é muito bom para os treinos para um Iron, pelo menos é o que eu penso.
      Valeu pelas palavras Marlus, vamos em frente. Acabei de dar mais uma geralzinha nas duas bikes agora. :-)
      Abraço!

      Excluir
  3. O Iron é o dia da festa, pista fechada, alimentação e bebida a vontade rs. Os treinos é que são difíceis, e se tu ta indo bem, não tem com o que se preocupar...

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gostei da definição Fábio. Dia da festa, pista fechada, alimentação e bebida à vontade. Muito boa! :-)
      Se estou indo bem não sei... mas estou fazendo o que posso e da melhor maneira que posso.
      Abraço.

      Excluir

Postar um comentário

Deixe seu comentário, sua opinião, sua crítica, seu elogio, qualquer coisa... procuro responder sempre.

Postagens mais visitadas